ABout Us

Apaixonada por vinhos, acredito que as coisas boas da vida devem ser brindadas. Encontre aqui dicas do que há de melhor no mundo da vitivinicultura.

Newsletter

Instagram Feed
@winelicious_
Soundlicious
Wine Tasting Notes
Recent Posts
Winelicious | Dicas para escolher vinhos em restaurantes
1973
post-template-default,single,single-post,postid-1973,single-format-standard,ajax_updown,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-content-sidebar-responsive,columns-4,qode-theme-ver-14.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

Dicas para escolher vinhos em restaurantes

Dicas para escolher vinhos em restaurantes

DSC_0001 (3)

Diante de tanta oferta no mercado, muitas vezes, torna-se tarefa difícil escolher um vinho, quer pela variedade de rótulos quer por muitos não serem conhecidos junto ao público ou ainda pelos preços não serem apelativos. Assim, trazemos aqui algumas dicas que poderão orientar a sua escolha…

  • A primeira dica é, a escolha de um vinho não deve ser vista como um obstáculo, mas sim como uma forma agradável de conhecer novos produtos, provar novos sabores e de fazer uma escolha prazerosa.
  • Quando o restaurante tiver um sommelier/escanção, peça-lhe sugestões de vinhos, tendo em conta a harmonização com o prato escolhido. Se não houver este tipo de profissional, recorra ao maître/chefe de sala.
  • Não se iniba de colocar as suas dúvidas ao sommelier, este profissional qualificado irá saber esclarecer as suas questões e esclarecê-las é fundamental para adquirir novos conhecimentos e aprofundar o que já sabe.
  • Caso o restaurante em questão não disponha de um sommelier para guiá-lo na sua escolha, uma boa saída é pedir uma taça de vinho da casa. Se este for de boa qualidade, há um forte indício de que a carta de vinhos foi idealizada com cuidado e oferece boas opções.
  • Dê preferência a um vinho que ainda não tenha experimentado, permita-se conhecer novas castas, novas casas produtoras, novas regiões de proveniência… não fique pelo mesmo.
  • Peça primeiramente a carta de vinhos e depois a carta de iguarias. Assim, terá uma percepção da qualidade dos vinhos disponíveis e poderá adequar o prato ao vinho que pretende degustar.
  • As regras de harmonização são importantes e auxiliam bastante. De nada adianta escolher um vinho superior ou caro se este não for o par ideal para o prato escolhido para o momento. Lembre-se, por exemplo, que comidas condimentadas tendem a sobressair e superar toda a estrutura do vinho, de modo que estas demandam vinhos com estrutura, estagiados em madeira, sejam eles brancos ou tintos, enquanto as iguarias menos condimentadas tenderão a requerer vinhos menos complexos.
  • Quando os convivas optem por pratos diferentes, sugira que cada um escolha o seu próprio vinho (a copo) em função da iguaria escolhida, assim asseguram uma correcta harmonização e evitam o desperdício.
winelicious
dev@winelicious.pt