Listamos aqui alguns “vilões” da degustação de vinhos. Evite-os e assegure uma prova ainda mais prazerosa!

  1. Tabagismo
  2. Taças inadequadas ao tipo de vinho servido
  3. Uso de perfume forte
  4. Vinhos servidos fora da temperatura ideal
  5. Alimentos muito condimentados ou de sabor acentuado

O excesso de acidez, amargor ou doçura dos alimentos podem comprometer a harmonização, pelo que devemos ter um cuidado redobrado com certos ingredientes a fim de não por um bom vinho a perder. Entre eles:

Ácidos

Limão| Lima| Laranja| Abacaxi| Ananás| Vinagre| Vinagretes| Pickles

Açucarados

Geléias e compotas em excesso

Amargos

Alcachofra|  Aspargos| Chicória|Endivias| Espinafres| Jiló| Rúcula

Picantes

Pimenta|Páprica| Gengibre| Wasabi

Quando algum destes ingredientes estejam presente nos pratos a serem harmonizados, devemos moderar a sua utilização ou suavizar as suas características através da adição de ingredientes neutros ou de sabor oposto para contrabalançar e garantir um casamento mais harmónico entre o prato e o vinho a serem servidos. Assim, é imprescindível que se tenha em conta a proporção destes ingrediente na receita.

  • Proporção pequena – desconsiderar o ingrediente sem afinidade e harmonizar o vinho ou espumante com os ingredientes preponderantes;
  • Proporção média – suavizar a presença do ingrediente sem afinidade através da adição de novos ingredientes ou ponderar outra forma de preparo.
  • Proporção alta – o mais aconselhado é  evitar o vinho e optar por outra bebida.
Assinatura Natália