Natália Andrade

Apaixonada por vinhos, acredito que as coisas boas da vida devem ser brindadas. Encontre aqui dicas do que há de melhor no mundo da vitivinicultura.

Siga-nos
Newsletter

Instagram Feed
@winelicious_
Wine Tasting Notes
Recent Posts

Você sabia?

Você sabia?

Você sabia que os vinhos elaborados a partir das castas Malbec e Torrontés são as especialidades do vinhos argentinos?

Confira algumas características destas castas:

 

Malbec

  • Casta tinta de origem francesa. Seus cachos podem ser médios ou grandes, muito solto e as uvas apresentam uma tonalidade negra azulada, com película fina e polpa macia.
  • Esta casta prefere zonas temperadas a quentes. Se adapta à solos com boa drenagem e pobres em matéria orgânica. Tendo, por esta razão, encontrado na Argentina o seu solo de eleição.
  • Aspecto visual – Vermelho cerejas muito intenso e escuro que pode chegar a parecer quase negro.
  • Aromas – cerejas, ameixas, passa, café, chocolate, couro, trufa, baunilha e violeta.
  • Boca – Sabor a ameixa, cereja, chocolate, frutas secas e baunilha. Seus taninos agradáveis denotam suavidade.
  • Ideal para acompanhar qualquer prato da cozinha crioula argentina como as empanadas, os churrascos, as humitas, o pastel de choclo e o locro.
  • Deve ser servido entre os 15º e 17ºC.

 

Torrontés

  • Aspecto visual – Amarelo pálido, esverdeado ou dourado.
  • Aromas – rosas, camomila, cravo da Índia,  mel e, em certos casos, remete à casta Moscatel.
  • Boca – sabor a casca de laranja, pêssego, mel, camomila e uva moscatel. É um óptimo vinho seco.
  • Acompanha muito bem a comida crioula argentina como as empanadas, as saltenhas ou o locro – prato típico do norte argentino.
  • Deve ser servido entre os 8º e 10º C.
winelicious
dev@winelicious.pt